domingo, 18 de abril de 2010

Os meus poemas preferidos... II

DEPOIS

Provo na pele
o sabor que me deixaste
na noite
em que os corpos se ceifaram
ao estio solitário
de sonhos mergulhados na sede

Seco nas mãos
o cheiro de carícias arrancadas
à vontade humedecida
de abraços desordenados na angústia
de estenderem
palavras mascaradas de respeito

Cravo na garganta
o travo ardente dos beijos
sugado na paixão
das bocas coladas em desvario
numa busca cega
da eternidade finada no momento

e repouso
na hipnose deixada pelo amor
quando acorda na manhã
herdada pelo desfalecimento
do desejo

Pas[ç]os
http://pacosdagua.blogspot.com/


Do mais belo que já li...

19 comentários:

Maria Helena Ribeiro disse...

Querida tia, adorei os poemas que escreveu. Estes poemas têm muito sentimento. A tia anda muito sentimental.... é verdade

Beijinhos

Maria Helena Ribeiro disse...

Gostei dos seus poemas. A tia anda muito sentimental...verdade?

Beijinhos

Tia disse...

Tem dias Helena... tem dias...

Beijinhos

antonio - o implume disse...

O desfalecimento do desejo... falta-te umas caminhadas, estou a ver.

ANGELINA GOMES disse...

bonito poema: uma mistura de desejo e paixão.....

quente para enamorados...

Tia disse...

Até és capaz de ter razão António...

É isso mesmo, Angie... quente, intenso, uma linguagem universal. É belo este poema... muito belo.

Beijitos

pin gente disse...

muito bonito

muita paixão por estas bandas nos últimos dias.
beijos

Tia disse...

love is in the air...

Beijinho

Casemiro dos Plásticos disse...

gostei, bonito!
bj

atéaofimdomundo disse...

Fabuloso ... intenso... como deve ser a Vida

Sight disse...

Sim senhora!
Já cá não passava à uns tempos...temos renovação! Ficou muito bem!!

O poema é efectivamente muito bonito, belas palavras para momentos belos.

Bjk

Moon disse...

Reflexos de Lua, sem dúvida!

Tia disse...

Casemiro, feliz por teres gostado. Bj

Sim, tudo o que é verdadeiramente bom na vida deve ser intenso... o resto serão exageros...
Bj até_um_dia

Sight, que bom ter-te de volta! Quem mandou andar a caminhar por tão longe...??? Espero que tenha corrido bem. Bj

Dizem que sim, Moon, que o poder da lua sobre o Homem é inumerável...
Bem-vinda(o) ao meu blog.

José Rui Fernandes disse...

Um belo poema que aqui dás a conhecer aos teus leitores, e bem o merece! Apreciei esta tua escolha.

Um beijo

Tia disse...

Olá José Rui, que cada pessoa possa sentir, pelo menos uma vez na vida, a emoção que o autor tão bem descreve neste poema...
Beijito

mdsol disse...

Muito bem

Beijinhos, Tia

:)))

joaquim disse...

Gabriela Mistral foi o pseudónimo escolhido por Lucila de María del Perpetuo Socorro Godoy Alcayaga. Os temas centrais nos seus poemas são o amor, o amor de mãe, memórias pessoais dolorosas e mágoa e recuperação. A ler "Los sonetos de la muerte."

Tia disse...

Beijinhos Miss Solarenga...

Obrigada pela sugestão Joaquim... Bj

mdsol disse...

Também gostei. Parabéns ao autor e a quem escolheu mostrar o poema ou seja, a Tiaaaaaaaa!


Mais beijinhos

:))))