quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Pensamentos...

Já noite mas mais cedo do que o costume, cheguei a casa. Troquei de roupa, calcei as minhas sapatilhas (novas) e fui correr...

Corri incitada pela chuva que me refrescava corpo e mente e acariciada pelo vento doce do Outono. Queria libertar-me de tudo mas os pensamentos foram chegando uns atrás dos outros e... recordei o meu Pai, pensei na minha Mãe, no meu irmão, na minha cunhada e nos meus adorados sobrinhos... no meu filho e na paixão da minha vida... pensei na minha casa, no carro que tenho e no que queria ter, no jantar que ia fazer... pensei em mim, em ti, naquele e naquela, nisto e naquilo... na lua, nas estrelas, no vento e no mar, nas montanhas e no teu olhar... pensei no meu blog, pensei que não queria pensar em nada, pensei em coisas que fiz e nas que queria ter feito, no que tenho, no que tive e já não tenho, no que tenho medo de perder, na vida, na morte, no azar e na boa sorte... pensei nos locais que já visitei e nos que quero visitar, na minha cor preferida, no perfume que mais gosto e na chuva que continuava a bater-me no rosto... pensei na minha Amiga, no marido e nas filhas dela e no bebé que vai nascer... e pensei... pensei... pensei...

Foram quase 5 km de pensamentos...

Amanhã não sei se correrei. Pensar cansa-me!

18 comentários:

antonio - o implume disse...

E pelos vistos gasta sapatilhas... mas o mundo é assim de pequeno, pois cabe todo no nosso pensamento.

Tia_Cunhada disse...

Pequeno e ilimitado...

Bjs

PAS[Ç]SOS disse...

Enquanto pensamos não morremos, nem deixamos o cérebro se arrumar num frasco, cristalizando a sua elasticidade. Corre! Pois os pensamentos correm contigo e em cada manhã sentir-te-ás mais ágil para dividires as tuas lembranças por tudo quanto te mantém viva.

Tia_Cunhada disse...

Pois assim farei PasÇsos...

Beijo

Charlotte disse...

Pensar cansa tanto ou mais que correr, mas...boas corridas!

Beijinhos

Tia_Cunhada disse...

Charlotte... obrigada.

Beijos

Charlotte disse...

Foste abraçada! Passa no meu blogue!

ANGELINA GOMES disse...

de facto a chuva traz-nos recordações e leva-nos para um possivel futuro... é quando o corpo e a descontraiem.... é bom,é a paz que entra em nós e um "mar" de pensamentos nos invade em simultaneo.

muito bonito este texto, só prova que o contacto com a natureza é o melhor que há, para encontrarmos a paz que tanto procuramos...

Tia_Cunhada disse...

Um abraço para repousar do meu cansaço... Vou já buscá-lo Charlotte.

Obrigada e um beijinho

Tia_Cunhada disse...

Angie, a chuva tem em mim o efeito de despertar uma certa melancolia... perigosa às vezes. Mas são momentos únicos e só meus.

Beijo

susana disse...

Titi: usa ums phones se os pensamentos te cansarem. Isso também me acontece e nem sempre é positivo. É curioso como nem sempre a energia que libertamos a correr nos trava o caminhar do pensamento. Espero que tenhas pensado bem de mim ;)

Tia_Cunhada disse...

Ufa! Mais tranquila... pensava que só me acontecia a mim :-)

Nem te digo o que pensei de ti... ainda ficas toda vaidosa :-)

Beijos

avlisjota disse...

Podias ter corrido com as sapatilhas velhas. Podias mas não era a mesma coisa pois não?
Claro que não, plo menos penso que não, pensei em ti, (blogueando vim cá parar)e fazer-te uma visitinha... também gosto d´uma chuvinha a bater no rosto de preferência que não seja granitica. Também penso no que não tenho e que queria ter mas não penso muito porque se pensasse muito nisso não era a mesma coisa, é claro que podia pensar mas não era mesmo a mesma coisa...

Fui beijos e bom fim de semana

Tia_Cunhada disse...

José, sempre que te apeteça, calças as tuas sapatilhas e vem a correr até ao meu blog... vais sentir-te melhor!

Beijos e tem um fantástico w-end...

José Rui Fernandes disse...

Tia, o pensar é uma parte do nosso viver. Vivemos as coisas e revivemo-las através do pensamento: o que pensamos é uma parte do nosso viver, nem vale a pena fugir!
A maior dificuldade é integrar esses pensamentos no todo da nossa vida, e há coisas menos boas que nem queremos pensar nelas... mas elas lá estão. Só deixarão de nos atormentar quando as assumirmos como uma parte da nossa vida, e nos aceitarmos nesse todo que no fundo é o nosso ser... parados, ou a correr!

Deixo-te um beijo

Tia_Cunhada disse...

José Rui, obrigada pelo teu beijo e pelas tuas palavras... Na minha próxima corrida, seguramente que vou pensar nelas.

Um beijinho

pin gente disse...

não pude deixar de sorrir no final.
eu não corro, pedalo e também penso!
beijos

Tia_Cunhada disse...

As Mulheres são simplesmente... assim :-)

Um beijo